Acidente de trem deixa 50 mortos em Taiwan


Com quase 500 pessoas a bordo, trem colide com veículo e descarrila em túnel, no pior acidente ferroviário na ilha em décadas. Dezenas de passageiros estão feridos.

Ao menos 50 pessoas morreram em Taiwan nesta sexta-feira (02/04) depois que um trem lotado de passageiros colidiu com um veículo e, em seguida, descarrilou dentro de um túnel, no pior acidente ferroviário na ilha asiática em décadas.

As autoridades afirmaram que a colisão foi causada por um caminhão que escorregou por uma encosta acima dos trilhos, perto da cidade costeira de Hualien. Não havia ninguém no veículo.

“Suspeita-se que [o motorista] não puxou o freio de mão com força suficiente, então o veículo deslizou por 20 metros [e avançou] na linha do trem”, disse Feng Hui-sheng, vice-diretor da Autoridade Ferroviária de Taiwan, em entrevista a repórteres locais.

O trem de oito vagões viajava de Taipei, capital taiwanesa, para a cidade de Taitung, no sudeste do país.

O governo de Taiwan informou que havia 496 pessoas a bordo no momento da colisão, incluindo 120 passageiros em pé. Muitos eram turistas e pessoas viajando para suas cidades natais, no primeiro dos quatro dias do chamado Qingming Jie, um tradicional feriado religioso em que se prestam homenagens aos túmulos dos ancestrais.

A Agência Ferroviária de Taiwan afirmou que 146 pessoas foram levadas ao hospital, além das 50 mortes confirmadas. O condutor do trem e seu assistente estavam entre os mortos. Um cidadão francês morreu, enquanto dois japoneses e um residente de Macau ficaram feridos.

“Muitas pessoas foram esmagadas sob os assentos do trem na colisão. Havia outras pessoas em cima dos assentos, então aqueles que estavam embaixo foram pressionados e esmagados e perderam a consciência”, contou um passageiro ferido à emissora local EBC.

Com grande parte do trem ainda dentro do túnel após descarrilar, vários passageiros tiveram que escapar pelas portas e janelas dos vagões, escalar as paredes do trem e caminhar pelo teto em meio à escuridão para sair do túnel.

Uma investigação foi aberta para apurar o acidente

No Twitter, o presidente taiwanês, Tsai Ing-wen, afirmou que os serviços de emergência “foram totalmente mobilizados para resgatar e ajudar os passageiros e os funcionários afetados”. “Continuaremos a fazer tudo o que pudermos para garantir a segurança deles na sequência deste incidente comovente”, completou o presidente.

Uma investigação foi aberta para apurar o caso. Segundo a Agência de Notícias Central de Taiwan, a polícia levou o motorista do veículo que colidiu com o trem para prestar depoimento.

O homem é gerente de um canteiro de obras nas proximidades. Ele visitou o local por volta das 9h da manhã e estacionou seu caminhão em frente a um escritório, antes de o veículo deslizar pela encosta.

Acidentes ferroviários em Taiwan

As ferrovias estatais de Taiwan são geralmente confiáveis e eficientes, mas tiveram um histórico de segurança irregular ao longo dos anos.

O último grande acidente ferroviário no país foi em outubro de 2018, quando 18 pessoas morreram e 175 ficaram feridas depois que um trem descarrilou no nordeste da ilha.

O jornal Apple Daily afirma que o pior acidente ferroviário de Taiwan ocorreu em 1948, quando 64 pessoas morreram após a explosão de um trem no norte do país.

ek (AP, AFP, Reuters, dw)


Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *